BEDA #2 – Sobre “morar sozinha” há 1 ano

Quando tudo começou…

Ontem fez 1 ano que vim “morar sozinha” em São Paulo.

Depois da 1ª tentativa muito frustrada em dividir outro apartamento com uma pessoa e de ter passado por experiências ruins (conviver com pessoas e criar intimidade não é fácil), acabei tendo que voltar para Poá por alguns meses antes de me mudar para onde hoje estou.

Eu só lembro que na época a minha vida estava começando a ficar melhor e menos atribulada, estava me livrando de vários fardos que não eram meus, aprendendo a ser feliz, e eu só queria um espaço pra mim. E graças ao namorado e várias buscas em sites de imóveis, encontrei este pequeno apartamento studio com todas as facilidades de morar mais perto do trabalho.

E pela 1ª vez, eu me senti à vontade em um lugar que eu estivesse alugando.

O começo não foi fácil porque nos dias anteriores à mudança eu tinha ficado doente e ainda continuei mal por umas duas semanas que se seguiram. Eu tossia tanto que distendi o músculo da costela 😛 Lembro de as coisas continuarem em caixas e eu me sentia frustrada por não ter forças pra conseguir arrumar tudo. Mas aos pouquinhos fui melhorando e desencaixotando, arrumando, organizando.

E aos pouquinhos aquela sensação de “estar em casa” foi tomando forma. A diferença entre a “minha casa” e “a casa da minha mãe” está se tornando mais nítida. É um pouco assustador, mas tão bom!

Olhando pra trás, nem reconheço mais a Nati de agosto do ano passado, que tinha medo, mas foi com medo mesmo. Eu aprendi tanta coisa que mal consigo enumerar. Aprendi a cozinhar um pouquinho melhor, a montar móveis, a trocar courinho de torneira, a fazer as mangueiras da máquina de lavar funcionarem na pia do banheiro xD e por aí vai.

Eu adoro esse lugar! Mas sinto que está se aproximando o cumprimento da missão dele. Eu cresci muito e a família também cresceu, com o namorido e minhas filhas felinas, Chibi e Moon. Eu nunca tinha tido gatos antes e está sendo uma experiência e tanto! Um dia falo melhor sobre elas 🙂

O apezim vai deixar saudade. <3

Um pouco mais recente (mas nem tanto), com panos no varal e não to nem aí XD

Continue Reading

BEDA #1 – Vai ter BEDA sim!

Depois de refletir um pouquinho, decidi voltar com postagens neste blog com o incentivo do BEDA. Esse “projeto” nasceu de um antigo grupo no Facebook chamado Rotaroots, que incentivava a blogosfera de raiz. Abaixo, algumas infos retiradas do grupo para explicar o BEDA: 1) Mas o que é BEDA? BEDA é um projeto inspirado no […]

Continue Reading

Missing

Please, please forgive me, But I won’t be home again. Maybe someday you’ll look up, And, barely conscious, you’ll say to no one: “Isn’t something missing?” You won’t cry for my absence, I know – You forgot me long ago. Am I that unimportant…? Am I so insignificant…? Isn’t something missing? Even though I’m the […]

Continue Reading

Perdida no Paraíso: Retrospectiva 2015 + Playlist

Olá, mundo! Tudo bom com vocês? Bem-vindxs ao Lost in Paradise, minha mais nova tentativa de voltar para o mundo blogueiro. O nome veio de uma música do Evanescence, minha banda favorita deeesde os idos de 2003/04. Ainda não sei exatamente o que vai ter ou o que eu vou postar; mas espero que vocês, […]

Continue Reading